[RESENHA] Um Perfeito Cavalheiro – Os Bridgertons #3, de Julia Quinn

download
Romance de Época|| Um Perfeito Cavalheiro|| Julia Quinn|| Editora: Arqueiro|| Páginas: 304|| Classificação: 5/5 Favoritado ❤

Sinopse: Sophie sempre quis ir a um evento da sociedade londrina. Mas esse é um sonho impossível. Apesar de ser filha de um conde, é fruto de uma relação ilegítima e foi relegada ao papel de criada pela madrasta assim que o pai morreu. Uma noite, ela consegue entrar às escondidas no baile de máscaras de Lady Bridgerton. Lá, conhece o charmoso Benedict, filho da anfitriã, e se sente parte da realeza. No mesmo instante, uma faísca se acende entre eles. Infelizmente, o encantamento tem hora para acabar. À meia-noite, Sophie tem que sair correndo da festa e não revela sua identidade a Benedict. No dia seguinte, enquanto ele procura sua dama misteriosa por toda a cidade, Sophie é expulsa de casa pela madrasta e precisa deixar Londres. O destino faz com que os dois só se reencontrem três anos depois, Benedict a salva das garras de um bêbado violento, mas, para decepção de Sophie, não a reconhece nos trajes de criada. No entanto, logo se apaixona por ela de novo. Como é inaceitável que um homem de sua posição se case com uma serviçal, ele lhe propõe que seja sua amante, o que para Sophie é inconcebível. Agora os dois precisarão lutar contra o que sentem um pelo outro ou reconsiderar as próprias crenças para terem a chance de viver um amor de conto de fadas. Nesta deliciosa releitura de Cinderela, Julia Quinn comprova mais uma vez seu talento como escritora romântica. 

Olá, amores! Como estão?

Um Perfeito Cavalheiro é o terceiro volume de oito livros, da escritora Julia Quinn (sete dos quais já publicados no Brasil: O Duque e Eu, O Visconde que me amava, Um perfeito cavalheiro, Os segredos de Colin Bridgerton, Para Sir Phillip, com amor, O Conde Enfeitiçado e Um beijo inesquecível) que narram as aventuras da grande, amorosa e barulhenta Família Bridgerton, composta pela matriarca da família Violet e por seus oito filhos, a série conta com uma narrativa para cada um deles, apresentando-nos a família como um todo, porém priorizando as histórias de cada um dos seus membros, que são: Anthony, Benedict, Colin, Daphne, Eloise, Francesca, Gregory e Hyacinth. O romance é narrado em 3ª pessoa e nos proporciona vislumbrar as nuances de cada personagem do livro.

the_bridgertons_by_bechedor79-d4rmhmz

Meus caros, podemos considerar que Um Perfeito Cavalheiro é uma releitura de Cinderela, pois Sophie é a filha bastarda de um conde e depois da partida de seu pai passa a ser humilhada pela madrasta e por suas “irmãs”, afinal ela é considerada uma afronta para a nova condessa. Tais humilhações sofridas por Sophie deixa-nos com o coração na mão, pois  ela trabalha exaustivamente para servir sua madrasta. Apesar de tanto trabalho Sophie ainda encontra tempo para sonhar e seu grande sonho é participar de um único baile da sociedade londrina. Porém ela sabe que esse sonho está longe de ser realizado. Mas o que ela não imaginava era que os criados preparavam uma surpresa à ela. Finalmente, Sophie, iria participar de um baile.

“Sophie não o vira quando entrara no salão, mas sentira que havia algo mágico no ar. E quando ele surgira diante dela, como um príncipe de conto de fadas, de algum modo ela soube que ele tinha sido o motivo pelo qual ela entrara no baile de forma furtiva.”

Do outro lado dessa estória temos Benedict Bridgerton – o segundo filho de Violet, o segundo Bridgerton, o segundo em tudo. Nunca alguém tentou conhecê-lo verdadeiramente. No entanto, por ser um Bridgerton, as mamães casamenteiras já o viam como um bom partido para suas filhas. Porém, tudo muda quando Benedict conhece uma misteriosa dama no baile organizado por sua família. Além de linda, era inteligente, verdadeira e, principalmente, encantadora. Ele nunca cogitou que um dia poderia se casar por amor, como seus pais, mas diante dessa dama misteriosa o casamento por amor parece ser uma realidade… Ele só não contava que o destino pudesse pregar uma peça neles!

“Era absolutamente radiante, e Benedict de repente se deu conta de que era porque parecia… feliz. Feliz por estar onde estava, feliz por ser quem era.”

share_tempory (1)

Não é nenhuma novidade para vocês o meu amor e encanto pela escrita de Julia Quinn. Pois ela consegue falar de amor, amizade, superação, paixão, bom-humor na medida certa. Ela escreve de forma que nos faz rir e chorar ao mesmo tempo. A forma como ela criou o personagem Benedict tenho certeza que colocou os corações das leitoras em frangalhos, assim como o meu!  Com certeza Um Perfeito Cavalheiro foi o melhor romance da série que li até agora. Fiquei completamente apaixonada pelo Benedict – Anthony que perdoe essa minha traição – mas me entendam queridas e queridos amantes de livros! É simplesmente impossível não se apaixonar por esse personagem! ❤ A forma como ele tenta conquistar o amor de Sophie, a troca de carinho e de palavras entre eles é sublime. Espero, sinceramente, poder reaver esse maravilhoso casal no decorrer dos outros livros da série. Nem que seja por meio das colunas da detestável e amada Lady Whistledown – que está aos poucos mostrando sua sensibilidade. 🙂

“Então, antes que ela tivesse um segundo para respirar, os lábios dele estavam colados aos dela, gentis e suaves.”

Meus e Minhas Amantes de livros, desejo uma Feliz Páscoa a vocês! Que esta seja recheada de chocolates, bênçãos e livros, é claro! 🙂

By Malu

Anúncios

11 comentários sobre “[RESENHA] Um Perfeito Cavalheiro – Os Bridgertons #3, de Julia Quinn

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s