[Filme] Crítica A Bela e a Fera

FOTO1

Hey, galera! Hoje vim falar para vocês sobre o que achei do filme A Bela e a Fera. E gente, só posso dizer uma coisa para vocês. Eu choooorei! Muito! É sério! O filme é lindo demais. ❤ Sou obrigada a mencionar a vocês que já entrei na sala sabendo que iria chorar, pois A Bela e a Fera é o meu desenho preferido da Disney!  Confesso que fiquei com um pouco de medo. Pois será que eles iriam modificar o desenho da minha infância? Mas no apagar das luzes, algo se acendeu aqui dentro de mim. Meu coração começou a bater  forte de tanta ansiedade. E eu já estava completamente mergulhada no filme. E que filme! ❤

a7c4ca91db6397d7b730a23e07b0e25d

O filme está lindo, impecável! Está exatamente como eu imaginava. Os efeitos estão maravilhosos! A escolha do elenco foi perfeita, todos eles brilham na tela, as atuações estão impecáveis. Eu vibrei, eu cantei, eu me emocionei, eu revivi toda a magia da minha infância! ❤ Tudo estava lá, cada música, cada cena, cada detalhe! E gente, o que é essa trilha sonora? É pra fazer a gente chorar totalmente, relembrar tudo que vivemos! Ao final do filme só posso dizer a vocês que o meu sentimento foi de nostalgia, de recordações. Assim como o desenho, posso afirmar a vocês que nunca vou me cansar de assistir! ❤

Só posso dizer que se vocês ainda não foram assistir. Corram! Porque está lindo.

Beijos,

Malu ❤

Anúncios

[Filme] Crítica Como Eu Era Antes de Você

como-eu-era-antes-de-voce_0

Hey, galera! Hoje vim falar para vocês sobre o que achei da adaptação Como Eu Era Antes de Você. E gente, só posso dizer uma coisa para vocês. Eu choooorei! Muito! É sério! O filme é lindo demais. ❤ Eu já entrei na sala sabendo que iria chorar e no apagar das luzes, algo se acendeu aqui dentro de mim. Meu coração começou a bater  forte de tão ansiosa que estava para começar a assistir o amor de Lou e Will. E no subir dos créditos estava com meu rosto inchado e coração em frangalhos. É claro que senti falta de algumas cenas, que para mim eram importantes, mas qual leitor não sente falta de alguma cena, não é mesmo? Mas isso em nada comprometeu a essência do filme.

maxresdefault

Pra começar, a escolha do elenco foi perfeita, as atuações maravilhosas. O entrosamento entre o Sam e a Emilia foram impecáveis. Gente, eles são lindos juntos. Só posso dizer a vocês que eles nasceram para viver Lou e Will. ❤  Esses papéis não poderiam ser interpretados por outros atores. Disso eu tenho certeza! 😉 Eles viveram os personagens dos livros, se entregaram de corpo e alma e é isso que nos faz ficar tão emocionados. A interpretação deles foi tão boa que quando vocês estiverem no cinema, vocês vão sentir que o as personagens Lou e Will realmente ganharam vida. 😉

Continuar lendo

[Adaptações] Trailer de Como eu era antes de você

Olá amores!

Vocês sabem que foi divulgado essa semana pela escritora Jojo Moyes o primeiro pôster e o primeiro trailer – finalmente – da adaptação do romance Como eu era antes de você. E eu, como a legítima canceriana e romântica que sou, chorei horrores! Ainda mais quando assisti cenas que amei no livro – como por exemplo,  aquela em que Lou barbeia o Will ❤ – surtei ainda mais. Chorei apenas vendo o trailer! Imaginem vendo o filme! hahaha Chorei, pois vocês já sabem o quanto me emocionei lendo esse romance – se ainda não leram minha resenha leiam Aqui. Só de me recordar da leitura o meu coração fica em frangalhos! Eu sei, eu sei que sou muito emotiva! Me perdoem! 😉

E para completar minha alegria e emoção! Eu AMEI a escolha dos atores! ❤ E vendo eles em cena então! Meu amor cresceu ainda mais! Emilia Clarke, interpretando a Lou e Sam Claflin interpretando o Will é maravilhoso! É evidente que tudo isso que estou falando é uma primeira impressão. Mas espero, sinceramente, que o filme esteja digno do livro. Pois tenho certeza que se for assim… Serei uma daquelas que estará se desfazendo em lágrimas em alguma sala de cinema.

post-885

Se você ainda não leu este livro… Recomendo que procure a livraria mais próxima e adquira logo o seu. E para quem ainda não assistiu ao trailer, assista Aqui.

Beijos e até o próximo post!

Malu ❤

 

RESENHA E QUARTA DE CINEMA (ATRASADO, rsrsrs): Um Dia, de David Nicholls

Olá queridos, hoje vou falar para vocês um pouco sobre o livro e o que eu achei do filme de UM DIA. Vamos lá!

Um Dia – David Nicholls – 412 páginas – Editora: Intrínseca

Livro

“Foi um dia memorável, pois operou grandes mudanças em mim. Mas isso se dá com qualquer vida. Imagine um dia especial na sua vida e pense como teria sido seu percurso sem ele. Faça uma pausa, você que está lendo, e pense na grande corrente de ferro, de ouro, de espinhos ou flores que jamais o teria prendido não fosse o encadeamento do primeiro elo em um dia memorável.”

Charles Dickens, Grandes Esperanças

Você já parou para pensar, o quanto um dia pode mudar sua vida ou o quanto uma pessoa pode mudar sua vida ou o quanto o amor dessa pessoa pode mudar sua vida???? Pense…

Este livro, conta uma estória de amor e amizade, entre Emma Morley e Dexter Mayhew (Em e Dex, para os íntimos…rsrsrsr).

Emma, segundo Dex, “era bonita, mas parecia constrangida com isso” e Dex, segundo Emma, ““bonitão” um termo banal, do século XIX, mas na verdade não havia outra palavra que o descrevesse, a não ser talvez “lindo””.

Eles estudavam juntos, mas só se conheceram de fato no dia de sua formatura e também de São Swithin, dia 15 de Julho de 1988. E esse dia ficou marcado na vida deles. O livro narra a vida deles,  durante 20 anos todo dia 15 de julho. Durante estes anos,  eles estivessem juntos ou  separados, sempre estavam pensando um no outro. E estes pontos são descritos com uma riqueza de detalhes, o amor que um sente pelo outro, um amor que acontece aos poucos, um amor simples.…Lindo!!!!

“De repente me peguei pensando em você, e pensando que pena que não está aqui para ver isso, para vivenciar isso, aí eu tive a seguinte revelação.
Você deveria estar aqui comigo.”

O autor, narra em 3° pessoa, de uma forma muito real (real mesmo… e foi isso que mais me cativou no livro!!), o amadurecimento em nossas vidas, nossas alegrias e tristezas, acertos e burradas, nossos sonhos e expectativas, nossos fracassos e decepções, e o quanto a vida é frágil e mutável. Porém ele também nos ensina, de certa forma, como lidar com essas situações, mostrando o que o amor faz em nossas vidas, (amor em geral… de mãe, de pai…). E que se relacionar com uma pessoa mesmo a amando, pode não ser tão fácil.

“Dexter, eu te amo muito. Muito, muito, e provavelmente sempre amarei. Só que eu não gosto mais de você.”

Realmente um livro emocionante e cativante.

O Filme

O filme, deu vida a fotografia do livro (e isso eu amo quando um livro se torna filme!!!), conseguiu viajar pelo mundo do Dex. Achei o filme bem fiel ao livro. Isso lógico, foi obra do roteirista do filme, que foi o próprio escritor.

Nos papeis principais Anne Hathaway (Eu sou suspeita para falar sobre os filmes dela… amooooo!!!!!), como Emma e Jim Sturgess, como Dexter. Filme foi lançando em 2011.

Sugestão: Leiam o livro e depois vejam o filme….E espero que gostem =)

Liliane

Quartas de Cinema: Em cartaz – O Exótico Hotel Marigold

Olá gente!!!

Como estão? Espero que todos bem e gostando das publicações do blog.

Esse será meu 1° post (nervosa rsrsrs), então vamos lá…

Como os nossos dia-a-dia são bem corridos, sem tempo pra nada (pura verdade isso!!!), as vezes não encontramos tempo para fazer algo que gostamos, como ver um filme, ler um livro, ouvir uma boa música, cozinhar, entre outras coisinhas…

Por isso, já a algum tempo, resolvi estipular que todas as quartas são dias para assistir um filme em casa ou no cinema (por ser o dia mais barato, rsrsrsr…). Então vou trazer isso da minha vida para o blog. E espero que vocês gostem.

Hoje vou falar para vocês, como eu gostei do filme “O Exótico Hotel Marigold”, tanto o 1º (que estreou em 2011) quanto o 2º (que estreou esse mês no circuito nacional, assistir online por que as salas de cinemas aqui deram prioridade para outros filmes). Mas essa resenha é apenas do 1º.

O filme é uma comédia dramática.  É aquele filme simples, com um bom elenco, mas que você não espera muito (principalmente pra quem não liga muito pro elenco) só que no fim ele te deixa leve e alegre (não sei se acontece isso com vocês, comigo acontece…rsrsrs).

No filme um grupo de “idosos”, que não se conhecem, saem de Londres e vão para a Índia, procurar a paz de espírito e um lugar para que seus problemas de saúde, conjugais, escolhas de vida, perda de um ente querido e financeiro sejam resolvidos ou amenizados.

Na Índia, eles se hospedam no Hotel Marigold ( que origina o nome do filme) um hotel que eles contratam pela internet.  Quando eles chegam no hotel…Imaginem só a confusão, que do anúncio publicado, apenas a hospitalidade indiana é verdadeira. O Hotel é de propriedade da família de um rapaz sonhador e alegre (típico indiano) chamado: Sonny. Ele faz de tudo para os visitantes ficarem hospedados e, assim, evitar que sua família venda o hotel.

O elenco, todos britânicos, até o Sonny,  mesmo com todo aquele jeitão indiano.

Evelyn – Judi Dench, a chefe do 007;

Muriel – Maggie Smith, a Minerva do Harry Potter;

Graham – Tom Wilkinson, o Dr. Howard, do Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças;

Douglas – Bill Nighy, o vampiro todo poderoso Victor, dos Anjos da Noite;

Jean – Penélope Wilton, a Sra. Gardiner, de Orgulho e Preconceito;

Sonny – Dev Patel, o Jamal Malik, de Quem quer ser um milionário?.

Espero que gostem do filme!

Beijos!!!

Liliane